fabio roberto embasa



prefeitura ilheus


:: ‘ITABUNA’

Fernando Gomes é derrotado no TJBA e se mantém inelegível

Fernando vai recorrer.

Fernando vai recorrer.

O prefeito de Itabuna e candidato à reeleição, Fernando Gomes, teve um recurso não admitido pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), o que o torna inelegível. Gomes tentou um recurso especial ao TJ-BA após um acórdão [decisão colegiada] da Terceira Câmara Cível do tribunal que tinha negado outro recurso do gestor.

O fato se refere à acusação de improbidade administrativa [ato ilegal de agente público] feita pelo Ministério Público do Estado (MP-BA) contra o prefeito. Segundo o MP, Fernando Gomes cometeu ilegalidade na contratação de duas pessoas, sem concurso público, para o serviço de Zona Azul em outra gestão dele durante o período 1997-2000. Essa última decisão desfavorável ao gestor foi publicada no dia 29 de setembro.

Morre o Sargento PM Renildo Gonçalves, vítima de coronavírus, em Itabuna

PM Re já estava na reserva.

PM Renildo já estava na reserva.

A Companhia Independente de Polícia Rodoviária de Itabuna comunica com pesar o falecimento do Sargento PM da reserva Renildo Gonçalves de Oliveira. O mesmo estava internado no Hospital Calixto Midlej de Filho, em Itabuna, e veio a falecer em decorrência da Covid-19. 

O policial residia em Itajuípe e muitos anos atuou na Polícia Rodoviária de Itabuna. Por meio de nota, a Unidade policial lamentou a perda do PM e se solidarizou com os familiares e amigos nesse momento de dor. 

Devido às exigências das autoridades em saúde, como forma de evitar a propagação do vírus, o corpo será levado direto para cemitério no caixão lacrado e desinfectado sem quaisquer cerimônia de despedida.  

Juiz eleitoral nega filiação ao prefeito Fernando Gomes

Fernando vai recorrer de decisão.

Fernando vai recorrer de decisão.

O prefeito de Itabuna Fernando Gomes Oliveira pediu filiação partidária na 28ª Zona Eleitoral.  Mas o Ministério Público Estadual pediu o indeferimento por conta da condenação pela prática de ato de improbidade administrativa. Portanto, já estava com seus direitos políticos cassados. Logo, impedido de exercer o direito de filiação partidária.

O juiz eleitoral, Antônio Carlos Rodrigues de Moraes, negou a filiação partidária junto ao PTC, em razão dos direitos políticos suspensos por força de condenação por ato de improbidade administrativa, em decisão do Juiz da 1ª Vara da fazenda Pública da Comarca de Itabuna, Ulisses Maynard Salgado, da Ação Civil de Improbidade Administrativa número 0002388712004805113.

Em seguida, Fernando Gomes interpôs embargos de declaração e o juiz eleitoral rejeitou o recurso. Em sua decisão desta sexta-feira (7), ele diz que, quanto à questão de que o acórdão do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) pende de trânsito em julgado, pois contra o mesmo foi ajuizado Recurso Especial pendente de julgamento no Superior Tribunal de Justiça (STJ), entende não assistir razão ao Embargante.

:: LEIA MAIS »

77 trabalhadores de farmácias testam positivo para o coronavírus

Trabalhadores estão em quarentena.

Trabalhadores estão em quarentena.

Entre os dias 24 e 27 de julho, 545 trabalhadores e trabalhadoras de 64 farmácias de Itabuna fizeram testes para Covid-19, dos quais 77 testaram positivo. Os testes estão sendo realizados pela Vigilância Epidemiológica, com o apoio da Vigilância Sanitária e do Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), fruto de uma solicitação do Sindicato dos Comerciários e Comerciárias de Itabuna. Os trabalhadores que testaram positivo foram encaminhados para isolamento social por 14 dias.

O Sindicato continua tentando, junto à Vigilância Epidemiológica, estender o mutirão aos mercados de bairros. “Encaminharemos para a Vigilância uma relação dos mercados de bairro, tendo em vista a formação de grandes aglomerações nestes estabelecimentos, tornando-se potenciais focos de propagação do vírus. Além disso, as trabalhadoras e os trabalhadores destes estabelecimentos não dispõem de todos os equipamentos individuais de segurança necessários para a prevenção ao Covid-19”, informou Nivaldo Freitas, diretor do Sindicato.

Policiais Civis de Itabuna aprovam paralisação de 24 horas, após 15 policiais testarem positivo para Covid-19

Assembleia Civil de Itabuna.

Assembleia Civil de Itabuna.

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (SINDPOC) deliberou em assembleia extraordinária, nesta quinta-feira (30), pela paralisação de 24 horas na 6º Coorpin – Itabuna. O SINDPOC denuncia a contaminação de 15 policiais civis pelo novo Coronavírus.

Segundo o presidente do SINDPOC, Eustácio Lopes, “a decisão de paralisar as atividades é devido o alto número de policiais civis infectados, “a região sul se tornou o pico de transmissão da Covid-19, e as Delegacias Territoriais da região também se tornaram focos de transmissão. Infelizmente não aconselhamos a população a procurar qualquer serviço, exceto, aqueles que são imprescindíveis a presença da vítima na unidade policial. Só na Delegacia de Itabuna, temos 15 policiais positivados, não há desinfecção das delegacias, equipamentos de proteção individual, testagem de policiais e de presos custodiados e falta protocolos de biossegurança”, pontua Eustácio.

Segundo a categoria os policiais civis estão expostos, a paralisação foi aprovada para que os pleitos e pautas da categoria sejam atendidas.

Editora lança livro comemorativo ao aniversário de 12 anos do jornal Direitos

Jornal conceituado em Itabuna.

Jornal conceituado em Itabuna.

Em homenagem ao aniversário de 12 anos do jornal, a Editora Direitos lança o livro Jornal Direitos, 12 Anos de História…Entrevistas.

A obra que é de autoria do advogado Vercil Rodrigues, que também é jornalista e editor do jornal Direitos, tem a apresentação do jornalista e membro do Instituto Histórico e Geográfico de Ilhéus, Zé Carlinhos Silva, que declarou: “Percebo que o autor ergue um brinde à comunidade regional, de forma inédita, ao compilar as principais entrevistas publicadas para comemorar o “jubileu de ônix” deste seu primeiro veículo de comunicação lançado. E que se trata de um trabalho no contexto do jornalismo informativo e opinativo em que o autor talvez pretenda imortalizar os entrevistados, ao tempo que retrata o pensamento da região em determinado período da história, e cumpre com fidelidade o respeito às datas e ao conteúdo das entrevistas”.

Disse ainda o jornalista e assessor de comunicação: “No elenco de entrevistados, estão operadores do direito, autoridades do Poder Legislativo, presidentes de academias de letras e de letras maçônicas, veneráveis e autoridades maçônicas, magistrados, professores, psicólogo, psicanalista, colunista social, escritor, jornalista, presidentes de seccionais da Ordem dos Advogados do Brasil, coordenadores e diretores de cursos e colégios particulares e públicos, dentre outros.

O jornalista Daniel Thame, a quem coube o prefácio do livro: Direitos, 12 Anos de História…Entrevistas, declarou: “O Jornal Direitos, voltado a uma área essencial da vida brasileira, é fruto da abnegação e do espírito empreendedor de Vercil Rodrigues, um homem de múltiplas atividades, todas elas exercidas com competência, profissionalismo e ética”.

O diretor regional Sul do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Bahia – SINJORBA, continuou: “É sabido, em tempos de mídias virtuais, a dificuldade de se manter um veículo impresso, com circulação regular. E são 12 anos de Jornal Direitos, um tempo respeitável em termos de mídia impressa. 12 anos que devem e merecem ser celebrados”.

No Prefácio, disse ainda: “Vale destacar o ineditismo de se publicar um livro com entrevistas imprescindíveis para comemorar o aniversário de um jornal (impresso e on line), o que reforça essa capacidade de Vercil Rodrigues, de surpreender e inovar. E será também uma referência para as gerações futuras de pessoas que construíram uma região que nos orgulha pela sua capacidade de se reinventar”.

Esse livro não é apenas homenagem a pessoas que se destacam na comunidade grapiúna, mas principalmente a celebração justíssima dessa conquista que é fazer do jornal Direitos um veículo de comunicação indispensável à sociedade regional.

Prefeitura suspende contratos de professores sem nenhum aviso prévio

Professores protestaram na prefeitura.

Professores protestaram na prefeitura.

Professores municipais contratados pelo Regime Administrativo (Reda) em Itabuna, fizeram um protesto contra a suspensão de contratos de trabalho. Eles reclamam que foram tirados da folha de pagamento do município sem qualquer aviso prévio.

O comunicado foi divulgado pela Secretaria de Educação de Itabuna em um ofício circular. No documento, a secretaria diz que, desde o início do ano, as verbas do Fundo de Desenvolvimento da Educação (Fundeb) têm acumulado perdas, com déficit total de quase 20%.

O Sindicato do Magistério Municipal Público de Itabuna (Simpi) enviou um ofício para a Secretaria Educação, na última terça-feira (14), pedindo explicações sobre a suspensão do contrato dos professores do Reda. A categoria informou que ainda não recebeu resposta.

A Prefeitura de Itabuna informou que as aulas da rede municipal estão suspensas e, por isso, não pode pagar por um serviço que não está sendo prestado. O órgão ressaltou, ainda, que há possibilidade da prefeitura convocar todos os servidores de volta, assim que as aulas foram retomadas. Do G1.

11 de julho, Dia do Socorrista, não tem o que comemorar

Condições precárias de trabalho.

Condições precárias de trabalho.

Hoje é um dia que não temos o que comemorar diante das situações em que estamos vivenciando. A nossa jornada de trabalho nunca foi fácil porém nesse período de pandemia a situação piorou de modo geral. Estamos vivendo dias muito difíceis, onde estamos em um local de trabalho insalubre, salário atrasado, fardamentos danificados, alimentação ruim, sem incentivos e muitas cobranças.

Neste dia, venho em nome dos Socorristas do SAMU Itabuna com um pedido de socorro as autoridades responsáveis pelo funcionamento do Serviço. Nas condições que estamos sendo submetidos a trabalhar, damos o nosso melhor possível para manter um trabalho eficaz, com todas as dificuldades continuamos nos esforçando a realizar.

Que sejamos reconhecidos pela dedicação e esforço. Que Deus nos capacite, guarde e abençoe em nossa missão. 

Nota de repúdio dos alunos da UNIFTC

Alunos indignados com a direção geral da instituição.

Alunos estão indignados com a direção geral da instituição.

Nós, alunos da UNIFTC viemos a público manifestar o nosso repúdio e indignação com a Instituição Mantenedora UNIFTC Faculdade de Tecnologia e Ciências que concedeu licença sem remuneração para a maioria dos professores da Unidade, da data 01/07/2020 até o dia 31/12/2020, cometendo um verdadeiro ato ilícito, já que os professores ficarão sem qualquer remuneração nesse momento pandêmico.

Os professores que ficaram também tiveram suas cargas horárias reduzidas. É mais do que sabido, que a Faculdade também mudou a modalidade de ensino sem antes informar àqueles que estão inseridos na relação contratual, os alunos. Ressaltamos que mantivemos o primeiro semestre inteiro pagando a mensalidade no valor de curso presencial mesmo diante do estado de calamidade pública em decorrência do Covid-19, e agora além de manterem os valores das mensalidades irredutíveis, a Instituição licenciou os nossos professores das nossas futuras aulas presenciais no próximo semestre.

De acordo com a nova modalidade as disciplinas serão redistribuídas e as aulas passarão a serem gravadas por professores da Rede que não temos nenhum vínculo ou contato. Quanto à rematrícula ofertada pela UNIFTC entendemos como cláusula abusiva ter que adquirir o pacote máximo de disciplinas para ter o maior desconto.

Nesse sentindo, vimos que o contrato era feito basicamente às cegas, sem qualquer garantia da quantidade de matérias e suas especificidades, apenas os preços de acordo com a carga horária proposta que optarmos.

34 funcionários do Itão testam positivo para o coronavírus

Funcionários foram testados.

Funcionários foram testados.

Nesta segunda-feira, 29, os trabalhadores e trabalhadoras dos supermercados Itão fizeram testes para Covid-19. Os testes estão sendo realizados pela Vigilância Epidemiológica, com o apoio da Vigilância Sanitária e do Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), fruto de uma solicitação do Sindicato dos Comerciários e Comerciárias de Itabuna.

De um total de 237 testes, 34 deram positivos para Covid-19. Na filial do São Caetano foram realizados 85 testes, com 22 positivados. Já no Centro Comercial, 152 trabalhadores e trabalhadoras realizaram os testes, tendo resultado positivo para 12 deles. Os trabalhadores que testaram positivo para Covid-19 deverão ficar em isolamento social por 14 dias. 

Causou estranheza a ausência de promotores de vendas justamente nesta segunda-feira, dia de realização dos testes no Itão. Por este motivo, a Vigilância Sanitária solicitou à direção do supermercado que entre em contato com os promotores de venda para que estes compareçam aos estabelecimentos na próxima quinta-feira, 02 de julho, para a testagem. 

18 funcionários dos Supermercados Meira testam positivo para o coronavírus

Loja da Juracy Magalhães, Itabuna.

Loja da Juracy Magalhães, Itabuna.

Nesta sexta-feira, 26, os trabalhadores e trabalhadoras dos supermercados Meira fizeram testes para Covid-19. Os testes estão sendo realizados pela Vigilância Epidemiológica, com o apoio da Vigilância Sanitária e do Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), por meio da solicitação do Sindicato dos Comerciários de Itabuna. 

De um total de 148 testes, 18 deram positivos para Covid-19. Na filial da Juracy Magalhães foram realizados 79 testes, com seis positivados (cinco funcionários e um terceirizado). Já no Centro Comercial foram testados 69 trabalhadores e trabalhadoras, com 12 positivados. Os trabalhadores que testaram positivo para Covid-19 deverão ficar em isolamento social por 14 dias e os supermercados devem ser fechados por 24 horas para proceder a desinfecção dos locais.

13 funcionários do Hiper Bompreço de Itabuna testam positivo para o coronavírus

Loja ficará fechada para desinfecção.

Loja ficará fechada para desinfecção.

13 trabalhadores do Hiper Bom Preço, em Itabuna, testaram positivo para o novo coronavírus. Nesta terça-feira (23) cerca de 151 funcionários foram testados pela equipe da vigilância epidemiológica do Município, sendo que 7 promotores de vendas e 6 funcionários foram infectados. 

A Vigilância fez a notificação e solicitou o fechamento do mercado por 24 horas para desinfecção do estabelecimento. Os trabalhadores foram afastados e estão em isolamento domiciliar. 

Por outro lado, a rede Itão, com lojas em Itabuna e Ilhéus, está colocando dificuldade para permitir a testagem dos funcionários nos seus estabelecimentos, o que deverá ensejar em medidas  rígidas, por parte do setor responsável da prefeitura de Itabuna. 


wedding dresses
anuncie whatsapp

ILHEUS TONELADAS DE LIXO SAO RECOLHIDOS NA OPERACAO CIDADE LIMPA

outubro 2020
D S T Q Q S S
« set    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031




web