prefeitura ilheus embasa




:: ‘Destaque1’

Barro Preto: Nota de repúdio contra a ex-prefeita Jaqueline Motta

Atitude irresponsável e inconsequente da ex-prefeita.

Atitude irresponsável e inconsequente da ex-prefeita.

A família da prefeita Ana Paula repudia e lamenta, profundamente,as declarações da Ex-prefeita, Jaqueline Motta, e do Sr. Paulo Roberto Santos (Paulo Preto da funerária), veiculadas nas redes sociais, recentemente, refletindo a ausência de um mínimo de apreço a vida e respeito à dignidade a saúde e o sofrimento alheio.

Sabido por todos que a Prefeita se contaminou com o novo Coronavírus, assim como ocorrido com outras lideranças de vários lugares do mundo, dentre ministros, governadores e prefeitos, trata-se de uma fatalidade, sujeito a qualquer pessoa, sobretudo, envolvida diretamente no combate a Pandemia, a despeito de todos cuidados tomados e rigorosamente seguidos, conforme orientação da Organização Mundial da Saúde – OMS.

Todos que estão envolvidos na luta contra o Coronavírus estão sujeitos a contaminação. Infelizmente, a Prefeita Ana Paula foi mais uma vítima. E usar essa situação, essa fragilidade reflete a falta de escrúpulos de algumas pessoas, num evidente desvio de caráter.

Ressalta-se que a contaminação desta cruel doença não é uma escolha. Em que pese a forma leviana em que foi tratado um problema familiar e de saúde, pela SrªJaqueline Motta e pelo Sr. Paulo Roberto Santos, cumpre informar que o Sr. Hermes se contaminou, assim como a Prefeita, muito provavelmente por força do convívio direto e constante que possuem. Dito isso, o momento é de cuidado e preocupações de todo núcleo familiar, não sendo a hora de oportunismo político e infâmias, conforme vem se verificado por parte destas pessoas que visam, desesperadamente, aparecer, visando ressurgir das cinzas da suas insignificâncias, que elas mesmos cuidaram, por si só, de se inserir.

Ocorre que, a despeito disso, as referidas pessoas, visando obter, miseravelmente, algum ganho político, no momento difícil para família da prefeita, promoveram ilações sobre a forma de contágio da doença por parte da Prefeita.

Essa forma lamentável de se insurgir politicamente, tomando por base o sofrimento familiar e particular de outra pessoa, a partir de questões relacionadas a saúde, consiste num conduta cruel, leviana e de um oportunismo sórdido sem precedentes, que com certeza não encontrarão apoio por parte das pessoas de bem do Município de Barro Preto e, muito menos, de outros grupos políticos da cidade, por mais que se oponham politicamente à gestão da atual Prefeita.

Solidariedade e empatia consistem no sentimento que deve pairar neste momento, independente de divergência ideológica, partidária ou política. Portanto, as deploráveis manifestações destas pessoas refletem o quão vis devem ser, ao propagar tamanhas injúrias e deboches quanto ao sofrimento alheio.

Portanto,usar esse cenário de pandemia como palco político e tripudiar de quem estar doente para obter vantagens políticas é no mínimo desumano e terá consequências.

A despeito de sermos gratuitamente agredidos por inverdades, é momento de respeito e solidariedade. Que Deus abençoe a todas vítimas do covid-19 e proteja a toda população de Barro Preto.

A Prefeita segue forte no combate a Pandemia, mesmo sob restrições médicas, buscando o melhor para os munícipes deste momento em que a compaixão, a solidariedade e a empatia são determinantes para união do nosso povo, no combate de uma crise de proporção mundial, independente de divergências políticas.

Barro Preto registra primeira morte por coronavírus

Barro Preto do alto.

Barro Preto do alto.

Barro Preto entrou para a triste estatística de municípios baianos que já registraram morte por coronavírus. Neste domingo (21), a prefeitura municipal confirmou o primeiro óbito pela Covid-19 na cidade. Trata-se do Sr. José Malta da Silva.

O paciente, segundo a secretaria, não resistiu às complicações no quadro de saúde e morreu na tarde deste domingo.

A prefeitura municipal se solidariza com os familiares neste momento e reforça seu compromisso com ações de enfrentamento ao novo Coronavírus, contando com o apoio da população para seguir as medidas já anunciadas pela Prefeitura e pelo Governo do Estado, todas de acordo com protocolos do Ministério da Saúde e da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Mulher relata assédio moral no Banco Bradesco de Ilhéus

O caso vai parar na justiça.

O caso vai parar na justiça.

Sou funcionária de uma corretora, que presta serviço para a Seguradora Bradesco de Ilhéus. Sou angariadora, dentro do Bradesco e não tenho o que reclamar dos meus colegas, que são ótimos. Mas quero relatar que fui vítima de assédio moral por um cidadão chamado Jadson, que é o corretor master da mesma empresa que trabalho. A função dele na verdade seria orientar, mas, não é isso que acontece, venho sofrendo pressões psicológicas já algum tempo.

Na última sexta-feira (19) cheguei na agência do Bradesco, da Avenida 2 de julho, um pouco mais tarde, por conta da chuva, sentei na mesa que utilizo todos os dias, para atender uma cliente que estava me aguardando, em meio ao atendimento, o homem surgiu falando em voz alta mandando eu sair da cadeira, eu disse que não iria sair. Não satisfeito, Jadson botou o dedo no meu rosto e determinou a minha retirada do banco, foi quando decidir ligar para o meu chefe relatando o caso. O corretor Jadson Menezes tem costume de maltratar as pessoas que trabalham com ele, não respeita os clientes e ainda age com truculência perante os clientes. 

Foi muito humilhante que vivi, nunca passei por uma situação como essa. Estou com o emocional abalado e sem condições psicólogas de cumprir com as minhas tarefas. Esse caso não vai impune. Vou entrar com um processo 

Vou entrar com um processo por assédio moral contra esse mostro, que fez tudo isso na presença de uma cliente, que ficou horrorizada e se colocou à disposição no que eu precisar. 

Quero justiça! 

Mais uma empresa fecha as portas em Ilhéus

Loja de festas e eventos.

Loja de festas e eventos.

Além das vidas perdidas, a pandemia do novo coronavírus trouxe dificuldades para diversas empresas de Ilhéus. Os efeitos vendo sendo sentidos desde o mês passado, quando alguns estabelecimentos já anunciam que não irão reabrir as portas, mesmo com o retorno gradual do comércio. 

A Le Petit Festas, situada na Cidade Nova, há vários anos atuando no mercado de festas e eventos, decidiu encerrar as atividades por tempo indeterminado em decorrência dos efeitos da Covid-19. 

Por meio de nota, a direção da empresa lamentou o ocorrido, e garantiu que todos os contratos vigentes, o dinheiro serão ressarcidos integralmente, sem nenhum prejuízo as partes. 

Abaixo a nota da empresa.

FB_IMG_1592772743347

FB_IMG_1592772747976

Bairro da Conquista é 1º lugar em casos de coronavírus em Ilhéus

É preciso fazer o bloqueio sanitário.

É preciso fazer o bloqueio sanitário.

O bairro da Conquista não para de aumentar os casos de coronavírus, em Ilhéus. De acordo com o gráfico epidemiológico da secretaria municipal de saúde, a localidade chegou a 148 casos confirmados da doença, neste sábado (20). O bairro, que possui a UPA 24HS, unidade do posto de saúde e em breve ganhará o Hospital materno-infantil, atravessa um momento crítico, diante dos elevados casos em decorrência da contaminação comunitária. 

Depois da Conquista outro bairro populoso que também está na rota do vírus é o Malhado. Já foram confirmados 127 pacientes com a Covid-19. Na sequência aparecem o Teotônio Vilela (94), Avenida Esperança (71), Nossa Senhora da Vitória (62), além do Nelson Costa (56) e Banco da Vitória (46). 

Até o momento, foram foram registrados 1073 casos da Covid-19, com 47 pessoas em estado grave na UTI, e um saldo de 48 mortes. 

bloggif_5eef693bcd990

Coronavírus: MP recomenda que municípios proíbam fogueiras e queima de fogos de artifício

Fogos eleva os riscos à saúde.

Fogos eleva os riscos à saúde.

Com a proximidade da data oficial do São João, o Ministério Público (MP) recomendou que as prefeituras proíbam o acendimento de fogueiras e queimas de fogos de artifício, em locais públicos ou privados, em razão da pandemia da Covid-19. O MP indica que os gestores municipais editem ato normativo determinando a proibição.

Recomenda ainda que seja feito o uso do poder de polícia, caso necessário, para o cumprimento da determinação, indicando também medidas administrativas para coibir a desobediência ao ato, a exemplo de suspensão concessão e renovação de autorizações para estabelecimento de venda de fogos de artifício, cassação das autorizações já concedidas, fiscalização para impedir acendimento de fogueiras e queima de fogos e aplicação de sanções, como multa e apreensão de material.

O promotor Thiago Cerqueira Fonseca argumenta que a tradição junina de acender fogueiras e queimar fogos de artifício, apesar do forte caráter cultural, não pode prevalecer sobre o direito à saúde e à vida. Na recomendação, o promotor lembra ainda que essa tradição, naturalmente, provoca aglomerações, comprometendo a eficácia do isolamento social com medida para contenção da pandemia. 

Além disso, eleva os riscos de doenças e problemas respiratórias, bem como queimadura e acidentes, podendo impactar na procura das unidades de saúde e, com isso, agravando a superlotação da rede hospitalar. “A superlotação das instituições hospitalares, públicas e privadas, poderá inviabilizar o atendimento de todos os que necessitarem de atendimento médico, inclusive os intoxicados pela fumaça das fogueiras e os queimados pelo manejo de fogos de artifício, para além das complicações decorrentes da Covid-19″, reforça o promotor.

Ilhéus: bebê com hidrocefalia é transferido para o Hospital Manoel Novaes

BB na ambulância.

BB na ambulância.

O pequeno Anthonny Luiz da Silva, de apenas 1 mes e 17 dias, que estava internado no Hospital Vida Memorial, em Ilhéus, aguardando vaga em uma UTI neonatal, foi transferido na noite deste sábado (20) em uma ambulância, para o hospital Manoel Novaes, na cidade de Itabuna.

O bebê foi diagnosticado com hidrocefalia, doença rara que vem desviando água para cabeça, prejudicando o desenvolvimento mental. 

Após divulgação no Site Fábio Roberto Notícias e com grande repercussão nas redes sociais, a população se comoveu com a situação e passou a compartilhar a matéria inúmeras vezes, como forma de solicitar providências das autoridades.  

IMG-20200620-WA0804

IMG-20200620-WA0806

Casas de estudantes da UESC são arrombadas no Salobrinho

Casa ficou totalmente revirada.

Casa ficou totalmente revirada.

Durante esse período de pandemia muitas casas de estudantes da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) que moram no salobrinho estão vazias, pois esses estudantes tiveram que voltar para suas cidades até que as aulas da UESC retornem.

Com isso, assaltantes estão aproveitando para invadir, vandalizar e roubar essas casas que estão vazias. Apenas casas de estudantes estão sendo invadidas.

Já foram mais de 8 casas arrombadas. Muitos estudantes tiveram grande prejuízo, seus móveis, eletrodomésticos, roupas e demais objetos de valor foram roubados e outros pertences destruidos. Estudantes que fazem grande sacrifício para se mudar de cidade e realizar o sonho de se graduar, estão passando por essa situação criminosa e desumana.

Nós, estudantes da UESC que moramos no Salobrinho, gostaríamos de pedir mais atenção da PM local pra esses casos que estão cada vez mais recorrentes. Todos os casos foram notificados a Polícia Militar, mas até agora nada foi feito.

Agradeço pela atenção! 

FB_IMG_1592701431360

FB_IMG_1592701434668

Ilhéus: criança com hidrocefalia precisa ser transferida com urgência

A cada dia a cabeça do BB cresce.

A cada dia a cabeça do BB cresce.

A história do pequeno Anthonny Luiz da Silva, de apenas 1 mes e 17 dias, tem comovido a população de Ilhéus e de toda região. 

O bebê enfrenta um grande desafio na sua vida: Anthonny foi diagnosticado com hidrocefalia, doença rara que desvia a água do corpo para o cérebro fazendo com que a cabeça aumente e muito do tamanho normal, prejudicando o seu desenvolvimento mental. 

A criança foi internada na noite desta sexta-feira (19) no hospital Vida Memorial, porém o local não oferece o tratamento adequado, com isso, o bebê precisa ser transferido com urgência para uma maternidade neonatal ou hospital pediátrico, já que a cidade de não dispõe dessa especialidade médica. 

A família de origem humilde não tem condições de arcar com R$ 8 mil reais para cirurgia, restando tão somente reccorer por uma vaga no Sistema Único de Saúde, para salvar a vida do pequeno Anthonny Luiz. 

Escolinha de futebol Os Meninos de Ilhéus é contemplada com 730 máscaras de proteção

Máscaras para os atletas e comissão técnica.

Máscaras para os atletas e comissão técnica.

A Associação Ilheense de Assistência a Menores (AIAM) destinou 730 máscaras de proteção para os alunos do projeto Escolinha de Futebol Os Meninos de Ilhéus, esta semana. Fruto de um conjunto de esforços para ajudar aos que mais precisam e não têm condições de comprar uma máscara para a prevenção contra o coronavírus, as máscaras foram destinadas por meio da doação de tecidos e elásticos da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (ABAPA) à AIAM, bem como pelo know-how da Trifil para a confecção do produto.

“Embora os projetos sociais não estejam na rotina normal de funcionamento, as pessoas vulneráveis socialmente continuam tendo a necessidade de assistência, sobretudo neste tempo de pandemia que atinge a todos. Por isso que nós da AIAM, também com o apoio da Human Network do Brasil, estamos destinando as máscaras de proteção para projetos sociais, com o objetivo de contemplar os que mais precisam”, destacou a presidente da AIAM, Maria Rosa Oliveira.

Em torno de 150 alunos e suas famílias serão ajudados. O coordenador do projeto, Sr. Luiz Lima, agradeceu a doação e destacou que os kits com as máscaras serão entregues a cada aluno matriculado no projeto, na residência de cada um.  

Câmara de Ilhéus aprovou projeto que altera lei de ocupação do solo

Sessão presencial CMI.

Sessão presencial CMI.

Na sessão extraordinária desta sexta-feira (19), a Câmara Municipal de Ilhéus aprovou, com exceção de dois vereadores, o Projeto de Lei 024/2020, que altera a Lei 3.746, de 09 de outubro 2015. A sessão aconteceu no Salão Nobre do Palácio Paranaguá e foi transmitida pelo Facebook da Câmara de Ilhéus.

O PL é de autoria do Poder Executivo e inclui no artigo 5º da lei de uso e ocupação do solo a piscicultura como uma das hipóteses de uso e a implantação de radioterapia no município, seguindo exigências e determinações do Ministério da Saúde.

De acordo com os vereadores, a implantação de espaços para piscicultura como uma das hipóteses de uso do solo, vai gerar empregos e renda, já que a atividade é de relevância econômica para o município e tem importância social e científica.

Até o momento, mais de 200kg de cocaína foram encontrados escondidos no Porto do Malhado

Droga no meio da soja.

Droga no meio da soja.

A Polícia Federal solicitou apoio da Cipe Cacaueira (antiga Caerc), por meio do grupo de operações de cães, para prosseguimento da diligência de uma carga de soja cheia de cocaína escondida dentro de sacos, no Porto Internacional do Malhado, em Ilhéus, nesta sexta-feira (19). 

De acordo com a PF e Cipe Cacaueira, o carregamento de soja com cocaína tinha com destino a Bélgica, tendo como exportador Reiki Imports. Até o momento, mais de 200kg da droga foram descobertos com o uso de cão farejador. 

Todo material será apresentado na sede da Polícia Federal, na Avenida Esperança. 

WhatsApp Image 2020-06-19 at 18.09.12

WhatsApp Image 2020-06-19 at 18.09.11

anuncie whatsapp

ILHEUS TONELADAS DE LIXO SAO RECOLHIDOS NA OPERACAO CIDADE LIMPA

julho 2020
D S T Q Q S S
« jun    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  




web