site antigo fabio roberto
68 cipm




:: ‘Denuncia’

Justiça Federal condena servidores do TRE-BA acusados de cobrar propina ao PSD

Propina deslavada.

Propina deslavada.

A Justiça Federal condenou dois servidores do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE) acusados de cobrar pagamento de propina para facilitar a aprovação de prestação de contas do PSD. Pela decisão, eles deverão ser demitidos do cargo público, terão que pagar multa de R$ 15 mil e, ainda, devolver ao PSD o valor de R$ 5 mil recebidos indevidamente nas negociações. 

Joseph Rodrigues dos Santos, que chefiava o setor de contas  partidárias do tribunal, e Antônio Sávio Reis de Pinho, que teria  intermediado e participado das negociações, foram denunciados em 2014 pelo Ministério Público Federal (MPF). Joseph foi exonerado da Corte baiana em 2014 e também do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, no qual  havia ingressado por meio de concurso público. 

O ex-chefe do setor teria  solicitado ao PSD o valor de R$ 30 mil para facilitar a aprovação da  prestação de contas do partido referente às eleições de 2012. As negociações foram gravadas por assessores do deputado estadual Angelo Coronel (PSD), que levou vídeos ao MPF em 2013. 

Ilheense faz vídeo da praia da Avenida agonizando

Imagem que entristece os cidadãos.

Imagem que entristece qualquer cidadão.

Um ilheense visitou a praia da Av. Soares Lopes, um dos principais cartões postais de Ilhéus, na tarde desta segunda-feira, 21, e demonstrou profunda preocupação com o cenário em que se encontra o local. 

Em posse do aparelho celular, o cidadão fez um vídeo, onde narra a sujeira espalhada em grande parte da extensão da praia. Baronesas, garrafas pet, vidros, pedaços de madeira e tantos outros materiais estão acumulados em plena orla central da cidade, oferecendo riscos à saúde dos banhistas, principalmente os turistas, que nesse período visitam a cidade.

Assista: 

 

Coordenador da 7ª Coorpin faz portaria determinando que policiais tomem conta do banheiro que serve ao público

Delegado Evy.

Delegado Evy.

O coordenador da 7ª Coorpin, delegado Evy Paternostro, fez uma Portaria pelo qual o Site Fábio Roberto Notícias teve acesso, determinando que a chave do banheiro que atende o público fique sob a guarda dos agentes plantonistas, e que será entregue para uso, mediante a entrega de documento de identificação do usuário ao policial. 

O coordenador justifica na Portaria que a medida foi tomada, devido a má utilização do sanitário, e a prática de atos de vandalismo. Agora, quem quiser usar o sanitário da delegacia terá que apresentar um documento com foto ao agente de plantão para receber a chave. 

A determinação do Coordenador causou indignação nos plantonistas, que de acordo com informações, prometeram levar ao conhecimento do presidente do SINDPOC, Eustácio Lopes, a fim de que adote as medidas necessárias junto ao setor jurídico da entidade. 

Screenshot_20190121-000756_2

Carta de um ex-funcionário demitido da prefeitura de Ilhéus

Carta do servidor demitido da prefeitura.

Carta do servidor demitido da prefeitura.

Sou ex-funcionário do Município  de Ilhéus, porém fui demitido, devido à ordem judicial. Sabemos que as leis devem ser cumpridas sendo assim, mesmo que triste, não culpo o prefeito Mario Alexandre, por isso.

Mais vamos aos pontos, trabalhei todos os dias, não faltei nenhum dia sequer, até por que, imagino que trabalho é trabalho, independente do local onde seja.

Era alocado na Secretaria de Desenvolvimento Social, Secretaria a qual atende as maiores demandas do município, atendendo a população carente. Não posso citar em qual setor trabalhava, pois temo represálias, mais como ilheense que ama a cidade, não poderia deixar de esclarecer o que nessa acontece nessa secretaria.

Nessa secretaria, desde a saída da primeira Dama,  a secretaria passa por processos, totalmente improdutivos, falta tudo, para que o trabalho possa ser executado. Funcionários que trabalham com medo dos seus coordenadores, com muito medo do secretario, pois o mesmo é tido como “carcará” pois só sabe cobrar e não dá as ferramentas, para execução das atividades.

Existe o grupinho dos chegados do secretário, esses tem regalias gigantescas, mais não vem ao caso, cada um puxa o saco da forma que quer, mais minha mãe já dizia: quem puxa saco puxa tapete, puxa tudo (cuidado com os que se dizem amigos, nobre secretário!). 

Por fim vemos nossa cidade, abandonada, largada, nosso prefeito perdeu as rédias do comando, deixando a cidade nas mãos de pessoas que não querem o bem da cidade, querem apenas seu bem próprio. Lixo por todo canto, passagem de ônibus elevada, enfim, a cidade esta um caos. Fomos demitidos, o dinheiro não foi depositado e tenho amigos que ainda trabalham, e não receberam, mais os coitados não podem falar nada, pois temem ser demitidos também.

Aí eu me pergunto, Srº prefeito, onde está aquele médico do povo, que amava o POVO, cadê a música cuida de mim doutor? Temos contas a pagar, temos família, necessitamos ao menos do nosso pequeno salário, pois trabalhamos e muito.

Aos amigos de 1983, que Deus possa abençoar cada um de vocês e que logo logo tudo se resolva, pois do jeito que as coisas andam, nossa cidade entrará em breve em crise total.

Prefeito acorde!

Investigador da polícia Civil é alvo de remoção arbitrária motivada por perseguição política

Servidor sofre perseguição.

Servidor sofre perseguição.

O investigador Agnaldo dos Santos Cardoso, lotado na 9° COORPIN (sede), de Jequié, foi vítima de uma remoção arbitrária promovida pela Coordenadora Regional Substituta da 9 ° COORPIN, Grazziele Quaresma Pereira, que, através de um ofício interno, tentou remover o servidor para o setor da (CICOM),situado no 19°  batalhão do município.

O pedido de remoção  infringe o Inciso II do art 19 da Lei Orgânica 11.370/2009 da Polícia Civil baiana que determina que somente o Delegado-Geral tem a competência funcional para realizar a remoção dos servidores. Ainda de acordo com a Lei Orgânica 11.370/2009. Art.79, as remoções precisam ser publicadas no Diário Oficial do Estado e os servidores que ocupam papel de dirigentes sindicais possuem “inamovibilidade sindical”, ou seja, não podem ser removidos durante o exercício do mandato.

O Presidente do SINDPOC, Eustácio Lopes, destaca que o pedido de remoção foi arbitrário. O sindicalista avisa que o  SINDPOC não vai aceitar nenhum tipo de assédio moral e perseguição política aos servidores da Polícia Civil baiana. “Só quem pode remover os servidores é o Delegado-Geral e precisa  ser apresentado uma fundamentação consistente. ” Não vamos nos calar diante desse tipo de assédio que,na verdade, possui motivação política. A solicitação foi  totalmente na contramão dos princípios que regem a Lei Orgânica do Estado”, denuncia Lopes.

O servidor e diretor do SINDPOC, Agnaldo Cardoso, ressalta que após o SINDPOC ter protocolado o ofício comunicando a situação ao Delegado-Geral, Bernardino Brito, o pedido de remoção foi anulado. ” Através da atuação do sindicato o problema foi solucionado. Na cidade ocorreu o comentário de que o pedido de remoção teve motivação política” , pontua o investigador.

CONFIRA OFICIO DA REMOÇÃO

Centro Pop de Ilhéus deixa de prestar assistência devida à moradores de rua

Internos em situação desumana, jogados no chão.

Internos em situação desumana, jogados no chão.

O prédio que abriga o Centro POP (Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua), localizado na Avenida Candeias, no bairro da Conquista, tem se tornado ao longo das últimas semanas apenas um lugar de acolhimento sem assistência devida ao público. 

A redação do Site Fábio Roberto Notícias recebeu imagens do local que está em visível cenário de total abandono. Sem estrutura para manter o projeto, o imóvel dispõe de único banheiro para ser usado por todos, colchões espalhados pelo chão, quartos úmidos, lixo por toda a parte e, para agravar a situação, os profissionais competentes para realizar determinadas funções especificas como assistênte social, serviços gerais para realizar a limpeza e  equipe de abordagem, foram demitidos por meio de sentença judicial do juiz Alex Venicius, titular da Vara da Fazenda Pública de Ilhéus.  

Outro absurdo sem precedentes é que o Centro Pop não faz o que realmente foi criado para fazer, que é o acolhimento, pois funciona às 08:00 da manhã apenas oferecer café da manhã e almoço, e depois fecha às 17:00, com isso todos os “acolhidos” são mandados para a rua novamente, só podendo adentrar no Centro no dia seguinte. Os poucos que ainda comparecem são atraídos pelo café da manhã e almoço. Em vez de realizar o acolhimento e ressocialização, o Centro Pop se resume em oferecer pão e almoço e, em seguida, manda os internos novamente pra rua. 

49285348_403390670203326_4183459327836684288_n

49810833_234219417466941_4406863383177986048_n

49257762_407973996413667_8234505612801605632_n

49289617_1013842312136062_4672931985780375552_n

50324148_297481154450728_3792146103038640128_n

50089386_331369164138065_185019309846691840_n

50343471_2280027732253906_2439171116342706176_n

50268148_2216519778570994_6951981812180582400_n

50089359_2210172132588720_6939658782209212416_n

Servidores Municipais de Ilhéus são surpreendidos com cartão Vale Mais bloqueado

Cartão Vale Mais bloqueado.

Cartão Vale Mais bloqueado.

Vários servidores da Prefeitura Municipal de Ilhéus foram as compras nesta terça-feira, 15, e no momento em que passavam o cartão Vale Mais Convênio constataram que o benefício estava bloqueado.

O Cartão Vale Mais é descontado diretamente no contracheque de cada servidor, porém, segundo informações da Vale Mais, a prefeitura ainda não efetuou o pagamento para com a empresa. 

Há quem diga que o débito do Município com a Vale Mais já ultrapassa 03 meses de atraso, enquanto isso, os servidores municipais passam constrangimento em filas dos estabelecimentos. 

Imagem comprova benefício bloqueado.

Imagem comprova benefício bloqueado.

Populares encontram carro abandonado em frente ao Condomínio Sol e Mar

Veículo localizado no matagal.

Veículo localizado no matagal.

Um carro, modelo Celta, cor preta, com placa policial JQU-3456, com licença de Itabuna foi encontrado por populares, na manhã desta terça-feira (15), nas proximidades do Residencial Sol e Mar, no bairro Nossa Senhora da Vitória, zona sul de Ilhéus.

O veículo foi encontrado abandonado dentro de um matagal com os vidros fechados. Ainda não há informações oficiais sobre o proprietário do veículo ou se o mesmo apresenta queixa de roubo/furto. 

A Polícia Militar já foi acionada para o local da ocorrência.

Assistam:

Passageiros reclamam do calor no aeroporto de Ilhéus

Aeroporto estava uma sauna.

Aeroporto estava uma sauna.

Passageiros que aguardavam seus voos no Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, reclamavam do mau funcionamento do ar condicionado na manhã deste domingo (13). Os aparelhos que ficam por toda extensão do terminal estavam com problema na refrigeração.

Com filas enormes, os usuários demonstraram indignação com o serviço deficitário do aeroporto. “Está muito abafado. É um absurdo, como se não bastasse o pouco espaço que o local oferece, o passageiro paga por uma taxa de embarque exorbitante, mas a contrapartida é a pior possível, não recomendo”, reclamou a carioca Sofia Santos.

Moradores do Alto do Coqueiro reclamam que estão há 15 dias sem coleta de lixo

Lixo em toda extensão da rua.

Lixo em toda extensão da rua.

Moradores do Alto do Coqueiro, em Ilhéus, reclamam que estão há mais 15 dias sem o serviço de recolhimento de lixo. Uma moradora conta que o contêiner não tem mais espaço e o lixo está despejado no chão atraindo urubus, ratos, insetos das mais variadas espécies, além de oferecer riscos à saúde humana.  

Diante do não cumprimento do repasse da prefeitura de Ilhéus para a empresa Sollar Ambiental, o sindicato fechou a empresa nas primeiras horas desta quinta-feira (10) em decorrência dos salários atrasados dos trabalhadores afetando o serviço de coleta em toda a cidade. 

Eu moro no Alto do Coqueiro, e a empresa retirava o lixo da caixa coletora diariamente, e agora já faz mais de 15 dias que eles não fazem, apesar de eu ter ligado solicitando. A prefeitura limpou o terreno há quase um mês. A situação está horrível. O lixo no meio da rua, muitos insetos e até o trânsito de pedestres e veículos está comprometido“, relatou a moradora. 

WhatsApp Image 2019-01-12 at 10.48.43 WhatsApp Image 2019-01-12 at 10.48.42

Vídeo: ônibus velhos da São Miguel não conseguem subir ladeira no distrito de Maria Jape

Descaso da São Miguel em Ilhéus.

Descaso da São Miguel em Ilhéus.

Passageiros do ônibus da empresa São Miguel que faz a linha Terminal Urbano/Maria Jape tiveram que desembarcar do veículo e subir a pé porque não teve força para subir. O problema ocorreu duas vezes em menos de 03 dias só essa semana, e foi registrada por uma passageira que mostrou revolta dos outros usuários com o ocorrido. 

Nas imagens os passageiros em sua maioria formado de idosos, gestantes e até deficientes começam a descer do veículo e comentar a situação. “Tem que denunciar essa pouca vergonha. Cadê a fiscalização da prefeitura que não vê essa irresponsabilidade da empresa São Miguel?”, reclamou um usuário.

A passageira que gravou o vídeo relata o ocorrido em tom aborrecido. “O pessoal teve que descer do ônibus e obrigados a andar debaixo de um sol forte, em meio a poeira e à mercê da própria sorte. A empresa São Miguel é um desserviço para população de Ilhéus. Uma das tarifas mais caras do país R$ 3,80, para andar em ônibus velhos e inseguros ”, disse a mulher enquanto filmava os passageiros subindo a ladeira. 

O Conselho Municipal de Trânsito e Transportes de Ilhéus aprovou, no mês passado, pela maioria de votos, o reajuste na tarifa de ônibus, sendo aprovado pelo prefeito Mário Alexandre (PSD), através do Decreto 133/2018. 

Assista:

Ilhéus: prefeito paga salários a cargos que não existem, após demitir servidores com mais de 30 anos de serviço

Os inseparáveis!

Os inseparáveis!

Nesta quinta-feira, dia 10, faz 30 dias que a Superintendência de Transporte e Trânsito de Ilhéus está sem governo. No último dia 10 de dezembro foi sancionado pelo prefeito Mário Alexandre (PSD) o Projeto de Lei nº 4.000, que modificou a SUTRAN em autarquia, com status de secretaria, mediante a sua transformação de órgão da Secretaria Municipal de Infraestrutura, contudo, desde que ocorreu a publicação do Diário Oficial do Município, ninguém foi nomeado, ou seja, a atual diretoria não existe. 

Nesta quarta-feira, 09, foram pagos os salários aos diretores que ocupam cargos que foram extintos da máquina administrativa, uma demonstração de total desrespeito e falta de transparência com os recursos públicos. 

O mais curioso é que o prefeito Mário Alexandre mandou demitir essa semana, mais de 500 trabalhadores, sob alegação de cumprir decisão judicial, mas autorizou o pagamento de altos salários a cargos que não existem, de forma totalmente ilegal. 

É chegada da hora da Câmara de Vereadores de Ilhéus reagir, diante das práticas danosas cometidas pela administração, aos olhos do Ministério Público e da própria justiça. 

anuncie whatsapp

ILHEUS TONELADAS DE LIXO SAO RECOLHIDOS NA OPERACAO CIDADE LIMPA

junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  




web