site antigo fabio roberto
68 cipm




:: ‘Bahia’

18 criminosos de Ilhéus e Itabuna são presos durante operação

Todos envolvidos em diversos crimes.

Todos envolvidos em diversos crimes.

A operação ‘Lâncome’, deflagrada na madrugada desta quarta-feira (19), localizou 18 criminosos integrantes de uma quadrilha com atuação, no Sul da Bahia. Líder da facção, José Alan Conceição Costa Lemos, o ‘Alan Baton’, teve mandado de prisão cumprido, no Complexo Penitenciário de Mata Escura, em Salvador. 

Investigados há sete meses pela 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Ilhéus), os criminosos atuavam, na venda de drogas, homicídios, roubos e corrupção de menores naquela cidade e em Itabuna. Alan Baton, mesmo transferido para unidade prisional, na capital, permaneceu dando ordens para facção.

Além dele, também em presídios, nas cidades de Ilhéus, Itabuna e Barreiras, foram capturados Jorlandio Amaral Feliz, Leandro Santos Lima, Fágner Santana dos Santos, Carlos Alberto Céo dos Santos e Édson Alves dos Santos. Todos continuavam influenciando, nas decisões da quadrilha. “Através de ações de inteligência conseguimos desarticular uma ramificação desta organização criminosa. Continuamos com equipes nas ruas”, explicou o coordenador da 7 Coorpin, delegado Evy Paternostro.

Fora do sistema prisional e também com mandados expedidos, acabaram presos Fábio Ferreira da Silva, Simone Brito da Conceição Gomes, Rafael Santos Brasil, Oziel Santos Menezes, Ilton Goes Santos, Milena Silva de Oliveira Costa, Jéssica Monteiro de Oliveira e ‘Júnior do Gás’ (mesmo com apelido o traficante possuía ordem judicial).

Em um dos mandados de busca e apreensão, no bairro Conquista, um adolescente, suspeito de diversos homicídios, confrontou com as equipes, foi socorrido para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas não resistiu. Com ele foram apreendidos um revólver calibre 38, munições, porções de maconha e uma quantia em dinheiro. Em local do mesmo bairro outro traficante foi flagrado também com drogas.

Já no bairro Vilela, dois homens, um deles de prenome Alisson do VILELA (alvo da investigação e do cumprimento da Busca) e o outro ainda não identificado, tentaram escapar do cerco, mas foram flagrados com drogas. 

Antes da deflagração da operação nesta data, as forças de segurança efetuaram prisões em flagrantes com apreensão de Drogas, colete balístico, armas, dentre elas uma submetralhadora. E com ações de inteligências ações da facção visando matar rivais foram evitadas. 

“Importante trabalho conjunto e com êxito devido o bom levantamento das ações desta quadrilha. Intensificaremos o trabalho nestas áreas”, avisou o comandante da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Cacaueira, major Ricardo Silva, em nomes das outras unidades da Polícia Militar.

Participaram da operação também equipes do Departamento de Polícia do Interior (Depin), das Rondas Especiais (Rondesp) Sul, da 6 Coorpin (Itabuna), das 68, 69 e 70 CIPMs (Ilhéus) e do Pelotão da Companhia Independente de Polícia Ambiental (CIPA).

O Delegado Evy Paternostro, Coordenador Regional, ressaltou a integração das Forças de Segurança, o acompanhamento do Ministério Público e presteza da 2a Vara Crime da Comarca de Ilhéus.

Em Eunápolis, Zé Ronaldo denuncia abandono da UPA

Zé Ronaldo é aclamado em Eunápolis.

Zé Ronaldo é aclamado em Eunápolis.

“Dói no meu coração ver a população sem assistência médica e um prédio, construído com R$ 1 milhão, fechado. O povo baiano não merece isso”. Essa foi a reação do candidato ao governo pela coligação Coragem para Mudar a Bahia, Zé Ronaldo, ao ouvir relatos de diversos moradores de Eunápolis sobre a situação da saúde no município, que teve uma UPA recuperada e logo depois abandonada pelo governo do PT. Ele se comprometeu a colocar a unidade em funcionamento assim que assumir o governo do estado, em janeiro, e disse que fará uma apuração profunda sobre a irresponsabilidade do atual governador.

Zé Ronaldo, acompanhado pelo prefeito de Salvador ACM Neto e o vice-prefeito, Bruno Reis, da candidata a vice, Mônica Bahia, além dos candidatos ao senado Jutahy Junior e Irmão Lázaro, participou de carreata na cidade, localizada no extremo-sul baiano e foi abordado por dezenas de moradores sobre as dificuldades para a população conseguir assistência médica. A situação do Hospital Regional, é drástica, faltam leitos, remédios e médicos qualificados. Mais de 1 milhão investido na UPA 24h que nunca foi aberta e está abandonada. “A unidade encontra-se com muito mato e paredes rachadas; os equipamentos estão se estragando pelo tempo, a exemplo de um gerador de alta potência, móveis e equipamentos médicos; agora, precisa de mais 400 mil para reforma. Não podemos aceitar esse abandono”.

“A saúde aqui em Eunápolis está de mal a pior. Todo dia tem gente precisando da regulação e o nosso hospital regional não funciona. A quantidade de leitos é insuficiente. Quando o paciente consegue se internar, falta remédio e médico. O estado precisa rever essa situação. Não podemos continuar sem assistência médica”, reclamou a dentista, Manoela Ferreira, 34 anos.

O professor Pedro Lucas, 44, relatou um fato ocorrido com sua família: “É uma vergonha! Minha mãe precisou há uns seis meses fazer um exame e tive que fazer uma vaquinha com meus irmãos. Ninguém consegue fazer exames pelo SUS. Quem pode, paga e detecta o que tem. Quem não pode, fica penando”. O Hospital Regional é o único da cidade que atende casos graves e está superlotado, pacientes esperam, às vezes, um dia inteiro para serem atendidos. Além disso, a população não consegue marcar nenhum exame pelo SUS, pois os contratos com os laboratórios não foram renovados.

Zé Ronaldo ouviu atentamente os moradores e garantiu que vai dar um basta à situação de abandono. “Gastaram tanto para construir a UPA e a deixaram abandonada. Nunca foi aberta. Poderia estar funcionando e desafogar o Hospital Regional, que está superlotado. O governo do PT deixou os serviços essenciais de lado”. Mais de 300 veículos acompanharam a carreata por mais de 15 km pelas ruas de Eunápolis. Presentes, a candidata a deputada estadual Cordélia; os deputados federais Elmar Nascimento e Uldurico Junior e o ex-prefeito Paulo Dapé.

Prefeito do PDT declara apoio a Zé Ronaldo e faz grande manifestação popular

Cresce adesão à Zé Ronaldo.

Cresce adesão à Zé Ronaldo.

Uma grande multidão, liderada pelo prefeito Alfredinho Magalhães (PDT), de Sítio do Mato, caminhou nesta quinta-feira (13) com o candidato a governador da coligação Coragem para Mudar a Bahia, Zé Ronaldo, e o postulante ao Senado, Jutahy Magalhães Júnior. O ato confirmou o apoio do gestor à candidatura do ex-prefeito de Feira de Santana.

Após o trajeto pela cidade, os candidatos seguiram para uma fazenda onde bateram um papo com as lideranças. O prefeito solicitou a reforma da BA-172. “A movimentação na BA reduziu, porque a rodovia representa  diversos perigos aos viajantes. Os motoristas estão optando por caminhos bem mais distantes. Zé vai fazer diferente. Ele vai transformar o meu sonho em realidade: ter um governador que trabalhe ao meu lado”.

A BA-172, que tem 166 km de extensão e fica entre o distrito de Javi, município de Muquém do São Francisco, e a cidade de Santa Maria da Vitória, será totalmente requalificada, segundo o candidato ao governo. “A recuperação da estrada é de extrema importância para o crescimento da economia na região. A população pode ter certeza que, a partir do próximo ano, terá uma rodovia novinha para fortalecer o escoamento da produção. Assumo esse compromisso com a região oeste da Bahia”.

Devido às péssimas condições, há grande dificuldade de logística de escoamento de produção pecuária bovina. “Há promessas e promessas do governo de que vai requalificar a estrada, mas que não saíram do papel. É quase impossível transitar pela BA, pois está completamente destruída. É uma vergonha! Descaso total!”, enfatizou a técnica de enfermagem Mariana Costa, 34.

Caminharam também ao lado do candidato ao governo, os vereadores Dr. Rodrigo, Cacau e Marta, o diretor da Baiana FM Oeste, Sid Charles, o candidato a estadual, Léo Prates, e o candidato a deputado federal, Arthur Maia.

Rui Costa manda recado para deputados traidores

Rui está de olho nos traidores.

Rui está de olho nos traidores.

Em passagem por Itapetinga neste final de semana, o governador Rui Costa em sua fala inicial mandou um recado direto para os deputados de sua base, que produzem seus materiais de campanha sem assumir a chapa majoritária que estão apoiando. Rui disse que viu alguns panfletos sendo distribuídos pelos deputados e verificou que alguns só fazem a propagando de si mesmo, ele afirmou: “Não sei o que pensa um candidato a deputado que ignora sua chapa majoritária, será que estão achando que vão resolver tudo sozinhos? Ou são desleais mesmo? Essa reflexão do chefe do executivo baiano constrangeu frontalmente dois deputados, que estavam presentes no evento, que confeccionaram seus “santinhos” ignorando as candidaturas do governador Rui Costa (PT) e os candidatos ao senado Jaques Wagner (PT) e Ângelo Coronel (PSD).

Tal situação produziu uma cena no mínimo caricata. O vereador Diego Rodrigues subiu ao palanque improvisado “sem ser chamado”, mas ao ouvir o “Pito” recebido por seus chefes, tornou-se apenas uma peça decorativa incorporando aquilo que chamamos de “Cara de Tacho”.

Muitos deputados estão acostumados a afirmar que conseguiram uma série de coisas para Itapetinga, através do governador, mas a vida real parece que é bem diferente, Rui não disfarçou seu descontentamento aos dois parlamentares, que foram expostos a uma situação de amplo constrangimento, e isso nos revela que o prestigio deles com o Governador, não é bem assim.

Ilheenses são presas após furtar 43 celulares em festa

Mulheres conhecidas na polícia.

Mulheres conhecidas na polícia.

Duas mulheres foram presas, na noite de sexta-feira (7), suspeitas de furtarem 43 celulares durante uma festa em Porto Seguro. Segundo a polícia, Jandileia Conceição Falcão e Beatriz da Fonseca de Jesus ambas moradoras da cidade de Ilhéus, foram localizadas em um hotel de Porto Seguro. 

Após o crime, onde ocorria a festa, uma vítima encontrou uma viatura e informou que tinha sido furtada. Através do GPS, os militares chegaram ao hotel.

Material furtado pelas meliantes.

Material furtado pelas meliantes.

Com a dupla foram recuperados 43 celulares, R$ 580 em espécie e roupas novas sem nota fiscal. Na Delegacia Territorial outras vítimas identificaram seus aparelhos e prestaram queixas do furto.

Segundo a polícia civil, a dupla faz parte de uma quadrilha especializada na prática de furtos em eventos. A dupla ficou presa à disposição da justiça. 

TRE-BA indefere 52 registros de candidatura do PTC

Sigla está encrencada na justiça.

Sigla está encrencada na justiça.

O PTC corre contra o tempo para regularizar seus 52 candidatos a  deputado estadual e federal na Bahia que tiveram o registro indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

A legenda lidera a lista de 139 postulantes inaptos na Bahia. O prazo para a regularização da situação termina no dia 17 deste mês. A corte eleitoral não informou, até então, se irá prorrogar o prazo para apresentação de recursos. 

Cidades baianas terão queda de receita em 2019

Queda na receita na BA.

Queda na receita na BA.

A Bahia é o estado com maior número de cidades afetadas pela queda de receita provocada pela nova estimativa populacional divulgada esta semana pelo Instituto Brasileiro de  Geografia e Estatística (IBGE). Segundo levantamento da Confederação Nacional dos  Municípios (CNM), são 135 cidades impactadas em todo o Brasil, 56 delas na Bahia,equivalente a 41,4% do total.

Essas localidades terão reduzido o coeficiente do  Fundo de Participação dos Municípios (FPM), repasse federal que é a principal fonte  de receita das cidades pequenas e médias. O segundo estado mais impactado foi o  Paraná, onde 15 cidades vão ter queda do FPM a partir de 2019. Depois aparecem  Minas Gerais e Rio Grande do Sul, com 13. 

Por outro lado, 105 municípios vão ter aumento no FPM por terem  registrado elevação da população, segundo o IBGE. Contudo, a Bahia, ao lado de  outros seis estados, não teve nenhuma cidade entre as que vão  ganhar mais recursos. São Paulo é o estado com mais localidades que terão aumento  dos repasses, com 15, seguido pelo Rio Grande do Sul (14).

MP investiga Bahiagás por suposta irregularidade em concurso

MP de olho na empresa.

MP de olho na empresa.

O Ministério Público estadual (MP) abriu uma investigação contra a Bahiagás por supostas irregularidades em um concurso realizado em 2015. Denúncias feitas ao MP apontam que a empresa fez uma prorrogação do processo seletivo que iria de encontro à Constituição.

Em nota, a Bahiagás informou que o concurso até 2020 e que está disponível para contribuir com o MP, “prestando as informações e esclarecimentos que se fizerem necessários”.

78% dos candidatos a dep. federal na BA concorrem em coligações

Siglas brigam por espaço no congresso.

Siglas brigam por espaço no congresso.

Cerca de 78% dos candidatos a deputado federal na Bahia concorrem em coligações, ou seja, em alianças de dois ou mais partidos. Dos 490 postulantes às 39 vagas na Câmara, 384 estão coligados e 106 em torno de 21% do total disputam a corrida eleitoral sem alianças. O percentual reduziu em relação a 2014, quando 87% dos 388 candidatos integravam coligações. Em 2014, só PSOL e PHS disputaram as cadeiras no Congresso sozinhos.

Este ano, o número saltou para cinco legendas: PSDB, PDT, Novo, PCO e, novamente, PSOL. Estas agremiações já ensaiam o que vem na próxima eleição, em 2022, quando as coligações serão proibidas nas eleições para deputado. A regra já começa a valer também nas eleições de 2020 para vereadores. O percentual de candidatos coligados na Bahia é maior em relação ao total registrado no Brasil, cuja taxa de postulantes em alianças é de 65%. 

Dentre as cinco legendas que, na Bahia, concorrem sem coligações, o PSOL tem o maior número de candidatos, com 51. Depois estão PDT (34), PSDB (11), Novo (8) e PCO (2).

Deputados federais da Bahia faltam as sessões após o recesso

Parlamentares estão em ritmo de campanha.

Parlamentares estão em ritmo de campanha.

Mesmo com o Congresso em ritmo lento, metade dos deputados federais da Bahia registrou faltas em pelo menos uma das quatro sessões deliberativas realizadas após o recesso de julho. Dos 39 parlamentares, 19 foram a todos os encontros e 20 registraram ausências em pelo menos um dos dias 7, 8, 13 e 14 deste mês. No topo da lista está o deputado João Gualberto (PSDB), que não concorre à reeleição e faltou às quatro sessões deliberativas, quando há discussão e votação de projetos na pauta.

Depois aparece Cacá Leão (PP), com três ausências. Outros 11 parlamentares tiveram duas faltas: Antônio Imbassahy (PSDB), Arthur Maia (DEM), Bebeto (PSB), Erivelton Santana (Patri), Irmão Lázaro (PSC), Josias Gomes (PT), Lúcio Vieira Lima (PSDB), Nelson Pelegrino (PT), Ronaldo Carletto (PP), Sérgio Brito (PSD) e Uldurico Junior (PPL). 

A campanha só começou oficialmente no dia 16, mas o Congresso já está em ritmo eleitoral desde o retorno das atividades, no dia 1º. Tanto que pautas importantes não foram votadas. Dos 39 baianos, 33 concorrem à reeleição. 

TFR-1 condena ex-prefeitos baianos por improbidade administrativa

TRF-1 no encalce dos políticos.

TRF-1 no encalce dos políticos.

O Tribunal Regional Federal da 1ªRegião (TRF-1) condenou dois ex-prefeitos baianos por improbidade administrativa. Romildes Oliveira Rios Machado (MDB), que comandou Cabaceiras do Paraguaçu, foi multada em R$ 3,5 mil e teve os direitos políticos suspensos por três anos por irregularidades em licitações.

Pelo mesmo motivo, o ex-prefeito de Santo Estevão Orlando Santiago (PSD) foi condenado a pagar multa de R$ 7 mil e foi proibido de contratar com o poder público por três anos. As decisões foram publicadas ontem pelo TRF-1.

TRE-BA e TRT5 são os tribunais que mais demoram para emitir sentença

Justiça lenta.

Justiça lenta.

Os tribunais regionais Eleitoral (TRE-BA) e do Trabalho (TRT5) da Bahia são os que mais demoram para emitir uma sentença em casos que tramitam na primeira instância. No TRT5, um processo leva, em média, um ano e sete meses para ser julgado e ter uma decisão no primeiro grau, maior tempo entre os tribunais do trabalho de médio porte. Em segundo lugar está o TRT10 (Distrito Federal), com tempo médio de um ano e um mês.

Já no TRE, a sentença sai, em média, depois de dez meses após o recebimento da ação entre as cortes eleitorais de grande porte, empatado com o tribunal do Rio de Janeiro. Atrás deles está o TRE do Rio Grande do Sul, com sete meses. Os dados são do Justiça em Números, relatório produzido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

anuncie whatsapp

ILHEUS TONELADAS DE LIXO SAO RECOLHIDOS NA OPERACAO CIDADE LIMPA

setembro 2018
D S T Q Q S S
« ago    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


web