Bruno, respiradores e governo.

Bruno, respiradores e governo.

O senador cearense Eduardo Girão (Podemos) apresentou um requerimento em que solicita a transferência dos sigilos bancário, fiscal, telefônico e telemático de Bruno Dauster, ex-secretário da Casa Civil no governo Rui Costa (PT).

Ao justificar o pedido, o parlamentar alega que uma das prerrogativas da comissão é investigar o uso de verbas federais repassadas aos estados para combater a pandemia e destaca indícios de irregularidade na compra de 300 respiradores pelo governo da Bahia. O caso ganhou visibilidade nacional e levou à queda de Dauster, exonerado em 5 de junho de 2020.

Os respiradores não foram entregues e o dinheiro público não foi devolvido ao erário. O governador se mantém silente diante da situação, que força cair no esquecimento da população baiana.