Gomes com o rosto escondido.

Gomes com o rosto escondido.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ), atendendo o pedido da defesa, determinou a soltura de Markson Monteiro de Oliveira, conhecido como Marcos Gomes, filho do prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, condenado por torturar e matar o vaqueiro Alexandro Honorário de Souza, de 26 anos, em dezembro de 2006.

Markson havia retornado para o Conjunto Penal de Itabuna dia 5 de novembro após decisão judicial que tinha determinado pela prisão preventiva e posteriormente domiciliar do réu. O mandado de prisão preventiva estava aberto desde agosto de 2017 e foi cumprido após determinação do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).

Markson foi condenado pela primeira turma da 2ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia a 13 anos de prisão por homicídio qualificado.