Pastor na porta da delegacia.

Pastor na porta da delegacia.

Novamente a sociedade ilheense se depara com um ato covarde, mas dessa vez praticado por um agente político. A vítima, o pastor Lucas Lisboa Costa, foi ameaçada de morte e difamada pelo vereador Paulo Santos da Anunciação, conhecido como “Paulo Meio Kilo”. O vereador não conseguiu se eleger para mais um mandato no Legislativo e tentou culpabilizar o pastor pelo mau resultado da sua campanha nas urnas. Meio Kilo proferiu palavras de baixo calão, tentando agredir o líder religioso e proibindo o mesmo de transitar próximo ao seu estabelecimento comercial, localizado no bairro Nossa Senhora da Vitória.

Ora, vivemos uma democracia e a democracia existe para ser exercida! Se Paulo Meio Kilo não foi reeleito é porque a população assim decidiu. A agressão verbal e a tentativa de agressão física expressam que não são todos que compreendem que a vontade do povo está acima de quaisquer desejos individuais.

Reiteramos o apoio ao pastor Lucas Lisboa e esperamos que os órgãos competentes adotem todas as providências necessárias para responsabilizar o autor desse ato desprezível.

Confira o boletim de ocorrência