Onda de demissão no hospital.

Onda de demissão no hospital.

Um grupo de ex-funcionários do Hospital Vida Memorial, em Ilhéus, entraram em contato com a redação do Site Fábio Roberto Notícias, neste domingo (01), para denunciar a direção da Unidade Hospitalar.

Eles relataram que o Vida Memorial assinou a carteira de mais de 10 técnicos em enfermagem com experiência em UTI, pelo prazo de 60 dias, prometendo renovar, porém como o fluxo na UTI de pacientes estavam diminuindo em decorrência da covid-19 muitos trabalhadores foram surpreendidos com a demissão. 

Indignados com a maneira em que foram demitidos, os ex-funcionários disseram que receberam um simples aviso, através do aplicativo WhatsApp, e, logo em seguida, todos foram removidos do grupo na rede social. 

Antes, o setor trabalhava com 5 técnicos, hoje são apenas 3, que foram  obrigados atuar como técnico diarista por não ter profissionais suficientes para fazer troca nos plantões. 

As enfermeiras estão lutando para permanecer no cargo, já que existe a possibilidade de novas demissões, caso o número de casos da covid-19 continue caindo.