fabio roberto embasa



prefeitura ilheus


:: 28/jun/2020 . 20:57

Laboratório da UESC utiliza o cacau em estudo para criar medicamento contra a Covid-19

Laboratório da UESC.

Laboratório da UESC.

O cacau, importante fruto para a economia do Sul da Bahia, agora é utilizado para contribuir para diminuir a pandemia da Covid-19, causada pelo novo coronavírus, através da equipe liderada pelo pesquisador Carlos Priminho Pirovani, do Departamento de Ciências Biológicas da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). 

O pesquisador conta que a equipe trabalha com moléculas do cacau (inibidores de proteases) desde 2005 a combater a pandemia da Covid-19. Como as proteases do coronavírus são alvos promissores para a criação de drogas inibidoras, onde o cacau é eficaz e pode gerar um medicamento contra a doença, disse ao reiterar que o grupo vem recebendo mensagem de pesquisadores do exterior, motivando-o a continuar o trabalho.

Carlos afirma que, enquanto a maioria busca usar drogas já existentes contra a Covid-19, a exemplo da cloroquina, hidroxicloroquina, ivermectina e corticoide, a alternativa é usar moléculas naturais já produzidas no laboratório da UESC a fim de bloquear o coronavírus e outras viroses. 

O projeto conta com apoio da farmacêutica Brenda Santana, da bióloga Monaliza Macêdo e da biomédica Andria Freitas, todas estudantes de mestrado ou de doutorado da Uesc, que são responsáveis pelas análises laboratoriais. Além disso, contou com a contribuição da Universidade Federal de Viçosa (UFV) e outros pesquisadores da Uesc como as professoras Jane Lima e Luciana Debortoli, além do professor Eric Aguiar e da biomédica Danielle Lopes. 

PM apreende arma usada na guerra de facção no Alto da Legião

Arma tirada de circulação.

Arma tirada de circulação.

Por volta das 15hs desse domingo (28) policiais militares do PETO 70 e ROTAM 70, após receberam denúncia sobre um ataque de facções criminosas no Alto da Legião, se deslocaram até a localidade e, durante a incursão, foi encontrada pistola .380 inox, contendo 4 cartuchos intactos e um carregador.

Segundo a PM, a arma pertencia à Tiago, vulgo Cara de mulher, baleado no tiroteio. A pistola foi apresentada no plantão da 7ª Coorpin para adoção das medidas legais. 

Ailton enfermeiro é transferido nesse domingo para UTI do Hospital Vida Memorial

Ailton, o defensor dos pobres.

Ailton, o defensor dos pobres.

José Ailton Fernandes de Matos, mais conhecido como Ailton enfermeiro, 60 anos, foi transferido na manhã deste domingo (28) para Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital Vida Memorial. O enfermeiro testou positivo para o novo coronavírus, após dá entrada na central Covid-19, no Centro de Convenções de Ilhéus. 

De acordo com informações obtidas com a chefe do setor de média e alta complexidade, da secretaria municipal de saúde, Ailton possui comorbidades, é hipertenso e obeso, e está no grupo de risco. Ainda de acordo com Érica, a vaga na UTI no Vida Memorial estava reservada desde a última sexta-feira (26) a pedido do prefeito Mário Alexandre, porém Ailton não estava com o quadro estável para ser transferido, o que só foi possível ocorrer com os protocolos de segurança nesse domingo.    

De acordo com o último boletim, Ailton Fernandes está consciente, respondendo com evolução aos medicamentos e não precisou ser entubado, mas segue em observação pela médica. 

Dia do Orgulho Gay: “DEM não tolera retrocesso na luta por direitos humanos”, afirma Valderico Junior

Valderico Júnior (DEM).

Valderico Júnior (DEM).

Hoje, 28 de junho, é o Dia Internacional do Orgulho LGBT, um marco da luta da comunidade gay por direitos humanos. O empresário Valderico Junior, presidente do DEM-Ilhéus, afirma que “a data é importante, porque aumenta o alcance das vozes que defendem toda forma de amor”.

“Todo mundo quer ser feliz. Isso envolve o direito de dizer o que pensa e agir livremente. A nossa sociedade avançou muito no entendimento de que a orientação afetiva de uma pessoa, seja ela qual for, não deve ser tratada como doença ou anormalidade. Ainda temos muito para avançar nesse caminho, e o partido Democratas não vai tolerar retrocesso”, enfatiza Valderico Junior.

A celebração da data remete a um episódio ocorrido em 1969, em Nova Iorque, nos Estados Unidos. Naquele dia, os frequentadores do bar Stonewall Inn, a maioria gay, rebelaram-se contra uma batida da polícia. Estavam cansados das operações policiais abusivas no local. Para lembrar o levante, no dia 1º de julho do ano seguinte a metrópole norte-americana teve a sua primeira Parada do Orgulho LGBT.

Stonewall se transformou num espaço simbólico e representativo para a comunidade gay, que frequenta o bar até hoje.

 ASCOM-DEM-ILHÉUS.

anuncie whatsapp

ILHEUS TONELADAS DE LIXO SAO RECOLHIDOS NA OPERACAO CIDADE LIMPA

junho 2020
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  




web