Blogueiro diz sofrer constantes ameaças.

Blogueiro diz sofrer constantes ameaças.

O blogueiro e estudante de comunicação Albert Queiroz, gravou um vídeo e publicou nas redes sociais relatando que vem sendo de constantes ameaças, por parte do secretário de transportes da prefeitura municipal de Itacaré.  

De acordo com Albert, o mais recente episódio aconteceu na tarde desta quinta-feira, 06, quando o secretário se aproximou e disse em tom ameaçador que, o blogueiro fala demais, mandando que tenha cuidado com o que diz.

Vídeo:

Abaixo, a nota de repúdio do blogueiro Albert Queiroz. 

Tenho ouvido constantemente piadas em tom ameaçadores no município em que nasci, me criei e resido, Itacaré. Sou proprietário do Site Taboquinhas Informa e Itacaré Informa e atuo na área desde os 15 anos, hoje com 21 anos continuo com meus sites e com o Programa Hora da Notícia na Itacaré FM, onde diversas matérias minha já foram destaque regional e até nacional. Sou morador do distrito de Taboquinhas e estudante do 6° semestre de Comunicação Social, na Unime em Itabuna.

Infelizmente, nem todos sabem o significado da frase “liberdade de expressão” ou “liberdade de imprensa”. Sempre questiono, cobro, fiscalizo e publico tudo que acontece em nossa cidade, desde matérias esportivas, culturais, turísticas a matérias polícias e políticas. E na tarde desta quinta-feira, 06, fui coagido pelo secretário de transporte e trânsito de Itacaré que me apontou como “quem fala demais”, mandando que eu tenha “cuidado” com o que falo, que eu “falo demais” e perguntando em quem eu confio, dizendo que é por eu falar demais que sou ameaçado de morte, concluiu em tom irônico. Digo a ele e a todos, confio em Deus e na justiça, tenho família.

Repudio este tipo de atitude do secretário que compõe o governo municipal e ressalto que não deve passar de um problema pessoal, pois tenho acesso e contato amigável com todos os secretários e cargos comissionados da gestão, inclusive acesso direto e tranquilo com o vice-prefeito Genilson Souza e com o Prefeito Antônio de Anízio.

Acredito que para assumir uma posição em um governo, a qual é uma função de relacionamento público, a pessoa precisa ter a capacidade técnica e além disso, uma boa capacidade psicológica para quando se envolver em saia justa saber dialogar e debater e não tentar resolver através de agressão tanto verbal como física. O secretário pecou e vem pecando muito na questão “diálogo” com o público estudantil e comunidade, não sei se seria despreparo.

Fica aqui minha indignação com relação a este e outros comportamentos semelhantes de cerceamento da liberdade de expressão. Pois estou respaldado em lei na liberdade de expressão como cidadão e liberdade de imprensa como profissional. Se quer me calar não vai conseguir, há não ser que seja de alguma forma trágica que venha a me calar para sempre e não sendo assim, só estará perdendo tempo.

Atenciosamente,

Albert Queiroz, 21 anos, estudante de comunicação social e blogueiro.