Vereadores no momento do juramento.

Vereadores no momento do juramento.

As 12 comissões técnicas que compõe na Câmara de Vereadores de Ilhéus estão suspensas por tempo indeterminado. A decisão é do juiz da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Ilhéus, Alex Venicius Miranda. 

O despacho do magistrado se deu em decorrência do Mandado de Segurança impetrado pelo vereador Makrisi (PT), que alegou que o presidente do legislativo, César Porto, o Cesinha (PDT), desrespeitou o princípio da proporcionalidade em excluir a minoria de oposição das comissões. A procuradoria da Câmara recorreu da decisão. 

Diante do imbróglio, a liminar concedida à Makrisi pode tornar nulos todos os projetos aprovados no plenário pelos vereadores, além dos pareceres da Comissão de Constituição e Justiça perderem a eficácia. 

Se a produtividade dos parlamentares é alvo de críticas por parte dos contribuintes, a tendência é piorar ainda mais com a interrupção das Comissões.