site antigo fabio roberto
68 cipm




:: 26/fev/2019 . 17:06

Terror do Alto do Coqueiro é flagrado com 2 armas e drogas

Meliante tentou fugir da polícia.

Meliante tentou fugir da polícia.

Por volta das 10hs desta terça-feira, 26, a guarnição delta, do PETO 68, durante patrulhamento no bairro do Malhado avistou uma movimentação suspeita na escadaria do Alto do Coqueiro, procedendo imediatamente incursão, onde flagrou indivíduo identificado como Josian Pereira dos Santos, que tentou dispensar um tubo contendo pedras de crack.

Posteriormente, a PM recebeu denúncia anônima de que o meliante teria um revólver guardado na sua residência, imediatamente, a polícia procedeu a diligência e logrou êxito na apreensão de 2 armas de fogo e 2 munições calibre 12 intactas. 

Josian e todo material apreendido, foram apresentados no plantão da 7ª Coorpin, para lavratura do termo de prisão em flagrante.  

WhatsApp Image 2019-02-26 at 12.56.06

PETO 70 e ROTAM 70 flagram Jackson com pistola e drogas no Alto do Basílio

Meliante vinha sendo monitorado já alguns meses.

Meliante vinha sendo monitorado já alguns meses.

Guarnições do PETO 70 e ROTAM 70, ambas pertencentes a 70ª CIPM, lograram êxito durante ronda ostensiva no Alto no Basílio, conduzindo para delegacia Jackson Oliveira de Jesus. 

A diligência ocorreu por volta das 12h30 desta terça-feira, 26, e com o meliante a PM encontrou os seguintes materiais: 01 pistola Taurus calibre .380 c 03 carregadores e 15 munições; 04 balanças de precisão; 02 rádios de transmissão com carregadores; 01 prensa com macaco hidráulico para acondicionamento de droga; 124 petecas de cocaína; 0,384 gr de pasta base de cocaína; 2 Kg e 270gr de maconha prensada em tabletes e 10 trouxinhas de maconha.

Dada voz de prisão, os policiais apresentaram o homem na sede da 7ª Coorpin, bem como o material apreendido, para adoção das medidas judiciais. 

WhatsApp Image 2019-02-26 at 12.56.15

De Ivo para Escuta: “não entrei na Câmara de carona”

Relações conturbadas n CMI.

Relações conturbadas n CMI.

O vereador Ivo Evangelista (PRB) um dos parlamentares que não votou no atual presidente César Porto (PDT), retornou das férias com a língua afiada e decidido bater de frente com quem quer que seja no parlamento. 

Na sessão ordinária da última quarta-feira que definiu os membros das Comissões Temáticas, o vereador Ivo Evangelista travou um debate com o vice-presidente Escuta, em decorrência da maneira de como as Comissões foram escolhidas, ao ponto de Ivo se referir ao colega com a seguinte frase: “não entrei na Câmara de carona”. A afirmativa de Evangelista provocou risos nos vereadores e também da plateia presente na plenário Gilberto Fialho.  

Vale ressaltar que a cadeira ocupada por Escuta pertencia de fato e de direito ao vereador Jamil Ocké (PP), que teve o seu mandato extinto pelo ex-presidente Lucas Paiva (PSB), devido ao número de faltas nas sessões legislativas, no período em que ficou preso preventivamente no presídio Ariston Cardoso, na operação Citrus do Ministério Público Estadual. 

Policiais civis da BA ameaçam paralisar atividades por falta de pagamento de horas extras

Polícia civil em alerta.

Polícia civil em alerta.

Os policiais civis do estado da Bahia ameaçam paralisar suas atividades devido à falta do pagamento dos plantões extraordinários realizados pela categoria desde o mês de dezembro de 2018.

Segundo informações dos próprios policiais, devido à falta de efetivo bem como o aumento da demanda durante o verão, são elaboradas escalas de plantões extraordinários visando garantir a ordem e o atendimento ao público. Contudo esses plantões têm ocorrido desde o mês de dezembro sem que os valores sejam pagos aos policiais.

Desde o dia 28 de dezembro, quando iniciou-se a dita “Operação Réveillon”, os policiais civis têm trabalhado em turnos extras diurnos e noturnos visando garantir a ordem e a paz social. Além disso, em todo o mês de janeiro, assim como em fevereiro, têm ocorrido plantões extraordinários em várias delegacias nos finais de semana, durante o dia e a noite também, visando não deixar que a população fique desamparada diante da omissão do Estado em contratar novos servidores, ação esta que acaba por sobrecarregar todos os policiais do estado, haja vista que os mesmos já cumprem suas escalas normais de trabalho e se sujeitam à, em seu turno de descanso, cumprir as referidas escalas extraordinárias. Porém esses plantões, como são escalas extraordinárias, devem ser pagos aos policiais como “hora extra”, pagamento este que não vem ocorrendo desde dezembro de 2018.

Diante desse desrespeito do estado perante tais servidores, os mesmos estão ameaçando não mais cumprir as escalas extraordinárias a partir de hoje até que a situação seja regularizada. Os policiais citam ainda que estão também escalados para os plantões de carnaval que ocorrerão na capital e também no interior, porém que não irão comparecer aos plantões caso a situação não se regularize, prejudicando assim o carnaval em todo o estado da Bahia.

anuncie whatsapp

ILHEUS TONELADAS DE LIXO SAO RECOLHIDOS NA OPERACAO CIDADE LIMPA

fevereiro 2019
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  




web