Edil ficou confuso na indicação.

Edil ficou confuso na indicação.

O vereador Guinho (PDT) tentou prestar uma homenagem ao prefeito de Salvador, ACM Neto, mas acabou ficando “só na intenção”. Enderson Guinho (PDT) queria que o gestor soteropolitano recebesse o título de cidadão itabunense, que seria dado pela Câmara de Vereadores local. Havia até uma data para a cerimônia, o próximo dia 26 de julho, como informou o Blog do Pimenta.

O que o edil não sabia é que o mesmo ACM Neto já tem o título em questão. O fato ocorreu há oito anos, quando o então vereador Solon Pinheiro propôs a cortesia para Neto. Candidato a deputado estadual, Guinho vai oferecer a honraria agora para o bispo Dom Carlos Alberto.