Esse dilema já é contado a anos.

Esse dilema já é contado a anos.

Com base no levantamento feito pela redação do FR Notícias, pessoa falecida ainda é dona de emissora de rádio, em Ilhéus, segundo lista do Ministério das Comunicações, tendo como base os contratos sociais em vigor. Os dados são os oficiais junto ao Ministério das Comunicações e estes proprietários são os únicos reconhecidos pelo Governo Federal.

É o caso, por exemplo, da Rádio Bahiana de Ilhéus, que está sendo controlada pelos ex-vereadores Gilmar Sodré (liquinha) e Jailson Nascimento (PSB), além do deputado federal Bebeto Galvão (PSB). O proprietário real da emissora é Tony Neto

Várias rádios do sul da Bahia foram vendidas “de gaveta”, sem mudar o contrato social e o registro junto ao Ministério Público, por isso não valem nada. Só depois de analisados os cadastros e documentos dos compradores e aprovados pelo órgão o contrato social pode ser mudado. Enquanto isso, o dono original, o que consta no Ministério das Comunicações, pode retomar a emissora quando quiser, porque para efeitos legais ele é o dono, não importa o que assinou.